Profundez: #EditoraSkull
Mostrando postagens com marcador #EditoraSkull. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador #EditoraSkull. Mostrar todas as postagens

sábado, 13 de abril de 2019

Primeiras impressões: O Rosemberg - Patrick Correa
16:00:000 Comentários

Olá migos!
O post de hoje é sobre as minhas primeiras impressões de O Rosemberg do @autorpatrickcorrea.

»Sinopse: 
Sul da Polônia, ano de 1945. Em meio aos campos de concentração de Auschwitz inicia-se a enigmática escalada do terror na mente do jovem Abraham, rumo ao desconhecido lado sombrio de sua própria existência. Tentando retomar sua vida, ao trabalhar para o misterioso James Miller, Abraham também trabalha para seu tenebroso inferno particular, vivendo em um funesto porão sob um velho teatro, onde aos poucos começa a perder a sanidade em um duelo mental entre o bem e o mal, consumindo o que ele é por inteiro até torna-lo cinzas.

»Sobre a edição:
Apesar de estar lendo este livro em e-book é impossível não falar sobre as artes de divulgação que a Skull liberou essa semana. Pois a edição física parece estar impecável! Vale muito a pena dar uma conferida lá no ig da editora e se apaixonar pelos detalhes da diagramação.

»Sobre os primeiros capítulos:
Depois de ler apenas três capítulos, eu simplesmente estou me vendo apegada aos personagens e sofrendo com eles. Sim, algumas cenas me roubaram algumas lágrimas e toda vez que são mencionadas novamente, sinto aquele famigerado nó no estômago. Sem falar que simplesmente não consigo me desprender da história e, até quando não estou lendo nada, me pego pensando em algumas situações destes primeiros capítulos.

A escrita do autor - como eu já esperava - continua fantástica. Desde o primeiro conto que li, sinto que ele consegue nos contar suas histórias de uma forma muito clara, mas sem deixar de criar um baita mistério quanto ao desfecho.

A única coisa que me incomodou um pouquinho, foi o fato de tudo parecer acontecer muito rápido. Isso, consequentemente, acaba me deixando um pouco perdida na história. Mas, como eu não durmo em serviço, já tenho algumas teorias pra isso. Então, talvez essa rapidez possa acabar fazendo sentido em algum momento.

Confesso que, apesar de já ter lido a sinopse e algumas resenhas, esperava uma história totalmente diferente da qual estou descobrindo. Porém, isto não é algo ruim.


Porém, isto não é algo ruim. Estou me surpreendendo de forma positiva à cada parágrafo que se passa.

É claro que depois de tudo isso eu só posso dizer que... Minhas expectativas estão altíssimas pois este livro realmente promete muito haha.

❔|Consegui te deixar curiosx quanto à este livro? Haha. Me conta aqui nos comentários. Mas, se a resposta for sim, já adianto que O Rosemberg está em Pré-venda no site da Editora Skull e acompanha uma Sketchbook exclusiva que é simplesmente linda.
Postado à:

segunda-feira, 4 de março de 2019

Resenha: Príncipes Perversos - Karine Vidal
17:33:000 Comentários

Título: Príncipes Perversos
Autora: Karine Vidal
Editora: Edição Independente
Número de páginas: 271
Minha classificação: 4,5★’s

▶Sobre a edição:

 

Não é exatamente uma novidade o fato de que eu não sou muito fã de rosa haha. Mas,
deixando esse meu gosto pessoal de lado, posso dizer que a capa realmente faz jus à história.
Pois quando a olhamos, temos a sensação de que vamos ler algo sobre pessoas ricas, mimadas, que estão acostumadas a sempre ter tudo que querem… Bom, a trama vai bem por esse caminho.
As páginas são amareladas e a fonte é de um tamanho bem okay, então a leitura em si acaba sendo bem confortável.

▶Sobre a história:

Lívia e Clara são irmãs gêmeas - exatamente iguais fisicamente - mas que por uma série de questões, foram separadas na infância. Enquanto Lívia permaneceu numa cidadezinha do interior levando uma vida humilde com a sua mãe, Clara foi adotada por uma família rica e cresceu tendo todos os seus desejos realizados.
Porém, depois de 20 anos, Clara aparece na casa de Lívia com uma proposta irrecusável: Se ela fingisse se passar pela irmã gêmea durante 3 meses, receberia uma boa quantia de
dinheiro.

▶Sobre os personagens:

Acima de qualquer coisa, este livro me fez ver que algumas pessoas realmente tem dois lados e que podem sim ser influenciadas - por outras pessoas - a mostrar o pior deles.
Apesar de ter torcido muito pelo casal e ficado feliz com a evolução de alguns personagens, sinto que infelizmente não me apeguei tanto à eles. Talvez, para mim, tenha faltado aqueles famigerados momentos em que conseguimos nos colocar no lugar deles e perceber que afinal de contas, somos muito parecidos.

▶O que eu achei:
Que leitura maluca! Desde a primeira página eu me surpreendi com a rapidez como alguns
elementos nos eram apresentados e, consequentemente, com o ritmo de leitura. Sim, esse é um daqueles livro para devorar em poucos dias, que simplesmente não nos deixa dormir até chegar à última página haha.

Sem falar que, parecia que eu já conhecia aquela história e que iria desvendar os mistérios
logo de cara. Isso aconteceu? Em parte, digamos assim.


Pois de fato consegui descobrir alguns detalhes, mas, as reviravoltas do final… Eu jamais chegaria em tal conclusão, até porque a autora não nos permitiu desconfiar de nada daquilo. Apenas nos surpreendeu com algo capaz de deixar qualquer um de queixo caído!

Tive a sensação de que, se colocarmos algumas coisas na balança, a trama acaba ficando em uma linha tênue em relação a diversos assuntos. Você tem personagens que se revoltam com injustiças e que tentam fazer algo para ajudar uns aos outros, mas ao mesmo tempo existe aquela famigerada rivalidade feminina e muitos dos mesmo personagens acabam fechando os olhos para algumas questões. Mas se formos observar o contexto de vida de cada um, essa pode ser realmente a intenção. 


No geral, acho que a história está recheada de vários elementos que poderiam ser bem mais aproveitados e desenvolvidos, pois consigo ver nitidamente algumas pontes que com certeza levariam à conclusões bem interessantes. Então, a pergunta que fica é... Será mesmo que Príncipes Perversos acaba neste primeiro volume ou a autora ainda vai nos surpreender?


❔|Pergunta: Você já leu Príncipes Perversos? Se sim, me conte aqui nos comentários se
também está sonhando com uma continuação haha.



Postado à:

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2019

Primeiras impressões: Príncipes Perversos - Karine Vidal
19:48:000 Comentários

Olá migos!

Recentemente eu iniciei a leitura de Príncipes Perversos da autora Karine Vidal (@autora_karinevidal) e tudo o que posso dizer até agora é: estou morrendo de nostalgia haha.

Ele simplesmente me deixa morrendo de saudades do filme "Operação Cupido" e de Escola dos Mortos, outro livro da mesma autora. Okay, as personagens principais são um pouco diferente, tanto no modo de se comportar como na aparência, mas mesmo assim sinto que a Lívia tem um pouco da Lara Valente. Sem falar que todo aquele clima de escola/faculdade, garotos e garotas populares, chuvas de dinheiro, etc também está presente nesta história.

Pra mim, a escrita da autora continua fantástica pois a leitura continua fluindo de um jeito impressionante. Sem falar da forma como ela descreve algumas coisas e personagens, que pra mim é excelente.

Era pra ter saído um post primeiras impressões? Sim. Mas como eu ainda não estou acostumada com esse tipo de post, acabei esquecendo. E bom, agora que eu já tô praticamente na metade do livro não tem mais graça fazer um post de primeiras impressões, né? Haha.

Enfim, se você ainda não conhece e este livro, deixarei a sinopse abaixo:

Lívia terá que assumir a vida de sua irmã gêmea.
Por circunstâncias inesperadas, as irmãs Lívia e Clara foram separadas na infância. Lívia leva uma rotina simples no interior – enquanto Clara possuí uma vida cheia de luxo, refinamento e intrigas na fervilhante cidade grande.
Vinte anos depois da separação, Clara reaparece na vida da irmã. Faz um pedido inusitado: ela precisa que a Lívia assuma sua identidade por três meses.


Em razão disso, Lívia assume a vida de sua irmã gêmea. Ela se muda para a cidade grande e depara-se com mansões, faculdades de elite, bem como alunos tão ricos quanto perversos. Em posse da identidade da irmã, Lívia engana a todos. Envolvida em um turbilhão de intrigas de jovens milionários, a garota tenta sobreviver e proteger seu segredo.


Contudo, Felipe Feron chegará para atrapalhar os seus planos. O garoto leva à fama de ditador da faculdade, e comanda o lugar com punho de ferro. Ambos rapidamente viram inimigos – mas o ódio está bem próximo ao amor. O garoto a quer.


Nesse ínterim, um assassino secreto divulga uma lista de alunos que estão marcados para morrer – e o nome de Lívia se encontra no topo. E esse será o seu maior problema.
Será que Lívia conseguirá enganar a todos? E ainda sobreviver dentro daquele mundo de elite?
Nesse meio tempo, ela tenta resistir ao amor de Felipe Feron, o comandante do lugar. Mas por quanto tempo?
Postado à:

Profundez no Instagram: