Resenha: Galeria Clarke de Suspense e Mistério - Editora Wish - Profundez

segunda-feira, 16 de março de 2020

Resenha: Galeria Clarke de Suspense e Mistério - Editora Wish


Título: Galeria Clarke de Suspense e Mistério
Organizadora: Juliana Daglio
Editora: @editorawish
Número de páginas: 224
Minha classificação: 4,5★’s


______
▶ Sobre a edição:

Neste livro, a Wish nos trouxe uma edição em capa dura impecável. Com direito a folhas grossinhas, apenas uma fonte em variados tamanhos e estilos para remeter ao modelo antigo de impressão de livros e claro, ilustrações incríveis e apavorantes de Harry Clarke.

______
▶ Sobre a história:

Galeria Clarke de Suspense e Mistério conta com 15 histórias inspiradas nas obras de Harry Clarke. Estas que vão desde supostos delírios até cenas reais e macabras. Passando por diversas escritas de autores nacionais maravilhosos e, aparentemente, com cabeças recheadas de histórias assustadoras.


______
▶ O que eu achei:


Galeria Clarke tem a fórmula perfeita para nos fazer devorar o livro e perder o sono à noite. Pois as histórias que habitam nestas páginas são chocantes, assustadoras e repletas de cenas asquerosas.

Mas, além de nos depararmos com o terror em seu estado bruto, também nos vemos imersos em uma espécie de terror psicológico. Pois não sabemos se o que está acontecendo é de fato real ou apenas um delírio da mente dos personagens. Será que nos deixamos enganar assim tão fácil? Ou... Será que a linha entre a loucura e a sanidade é mais tênue do que pensávamos? 

Apesar de todo o terror, também temos contos que retratam injustiças cometidas pela sociedade. Principalmente, o quanto nós, mulheres, somos menosprezadas desde o início dos tempos e o quanto temos lutado para conquistar nosso espaço e nossos sonhos.

Uma de minhas coisas favoritas em livros de contos, é descobrir como é a escrita de autores que até então me eram desconhecidos. Em Galeria Clarke, me deparei com textos impecáveis do início ao fim. Naturalmente, acabei me identificando mais alguns, seja pelo fato de a escrita ser mais direta ou pelos diálogos surreais que encontrei ao longo das páginas.

Meu único motivo para não ter avaliado este livro com 5 estrelas, foi o fato de que alguns contos foram muito confusos para mim, ou seja, praticamente não consegui me situar na história e nem entender as ações dos personagens.

Os contos que ganharam meu coração, foram Escalpo com sua brutalidade misturada, perfeitamente, com inocência infantil e Embate na Taberna que me fez rir horrores e ainda assim, ficar arrepiada com tamanha monstruosidade.

Quanto as obras de Harry Clarke... Bom, elas estão habitando meu coração trevoso desde que meus olhos as encontraram.

"A maior de todas as dores não advém das nossas vivências, dos nossos equívocos, não; ela surge de tudo aquilo que sonhamos e jamais realizamos."


Um comentário:

  1. Legal, só uma pergunta. Oq você achou do conto profecia, da Beatriz Paludetto ?

    ResponderExcluir

Profundez no Instagram: