Resenha: Marca da Escuridão - Sylvia Day - Profundez

sábado, 10 de março de 2018

Resenha: Marca da Escuridão - Sylvia Day


Título: Marca da Escuridão
Autor: Sylvia Day 
Ano: 2015
Editora: Faro Editorial
Número de páginas: 278
Minha classificação: 4, 5★’s

▶Sobre a edição:
A capa é impecável, a fonte é perfeita, todas as artes combinam com a história além de serem lindas. Ou seja, é daquelas que você se apaixona por cada detalhe.

▶Sobre os personagens:
Evangeline é uma mulher incrível que trabalhou muito pra ter todas as coisas que desejava, que não deixa ninguém dizer que ela não pode fazer tal coisa ou que não é boa o suficiente. Também não é daquele tipo de personagem indeciso e que se deixa manipular. E algo que eu achei extraordinário é o fato de que ela tem descendência asiática e o livro traz várias referências sobre isso. Ou seja, tchau tchau padrões literários 🖤
Alec e Reed são nada mais e nada menos do que Caim e Abel. E o mais importante, os dois tem emoções um tanto quanto fortes, estranhas e inexplicáveis por Eva.

▶Sobre a história:
Após uma noite de amor com um homem misterioso, Eva recebeu a Marca de Caim e foi designada a caçar demônios para pagar o seu pecado.

Porém, engana-se quem acha que são apenas demônios clichês de sempre. Neste livro há vários seres diferentes - alguns de origem bíblica e outros até mitológicos - e uma brecha que nós faz pensar que podem existir milhares de outros.

A Marca da Escuridão é um romance hot com uma pitada de mistério e ação. Alguns também podem dizer que existe um daqueles famigerados triângulos amorosos. No entanto, não é bem isso, pois Aleec de fato ama Evangeline e isto é super recíproco da parte dela. Já o Reed, fica claro que o que ele sente por ela é só uma atração sexual, mas que também é recíproco da parte dela. Resumindo: É quase impossível você conseguir decidir pra qual vai torcer.

Mas, apesar de existir uma tensão sexual absurda, o diferencial desse livro é que são poucas as cenas de sexo. Então, realmente existem mais momentos tensos que contam como é o novo "trabalho" de Eva caçando demônios. Mesmo assim a autora criou "soluções" pra determinadas coisas que ajudou e muito a construir um clima mais hot.


Apesar de eu ter um pezinho atrás com a Sylvia Day, resolvi dar uma chance pra esse livro e bom, praticamente devorei ele em pouquíssimos dias e na época ele foi o responsável por me tirar de uma ressaca literária terrível. A escrita é muito fluida e instigante e maioria dos capítulos são bem curtinhos. Só não dei 5★’s pra esse livro, por que algumas informações importantíssimas ficaram um pouco confusas ao decorrer da história.

❓| Pergunta: Você já leu algum livro da Sylvia Day? Me conta aqui nos comentários ^^

Nenhum comentário:

Profundez no Instagram: